Ankündigung

Einklappen
Keine Ankündigung bisher.

Como a vida é boa no Brasil

Einklappen
X
  • Filter
  • Zeit
  • Anzeigen
Alles löschen
neue Beiträge

  • Como a vida é boa no Brasil

    Idosos esperam até seis horas para marcar consulta em SP

    Pelo menos 1.200 idosos enfrentaram na última segunda-feira seis horas de fila e sol forte para tentar marcar uma consulta no CRI (Centro de Referência do Idoso) de São Miguel Paulista (zona leste da capital), do governo do Estado. Eles têm mais de 60 anos, chegaram cedo, por volta da 6h, e esperaram até as 12h, mas não conseguiram marcar com o médico.

    Os atendentes anotaram o nome e o telefone de todos e prometeram ligar durante a semana para avisar o dia da visita. Na segunda, o centro recebeu quatro vezes mais pessoas do que o normal. A coordenadora do CRI, Rosa Maria Barros dos Santos, não soube explicar o motivo da espera, mas disse que esta foi a primeira confusão em três anos de funcionamento.

    Pela manhã, a fila chegou a 200 metros de extensão e virou o quarteirão. Os aposentados sofreram com o sol, sem lugar para sentar. Ainda durante a manhã, alguns deles foram encaminhados para o auditório do prédio para evitar casos de insolação.

    Grande parte dos usuários tinha em mãos a guia que dava como referência o dia de segunda para agendamento de consultas. Eles disseram que foram orientados pelos próprios atendentes do centro a procurar o local, mas a informação foi desmentida pelos funcionários. Segundo os atendentes, os pacientes deveriam procurar o CRI a partir de segunda justamente para evitar aglomerações.

  • #2
    Se se pensar q o 1º brasileiro é filho de mãe índia e pai português, ele nasceu de mãe "desalmada" segundo o q aprendeu de seu pai. E isso já é pano p muita terapia. Assim como a alma indígena não foi assimilada, também a alma dos negros foi desprezada ( existe expressão pior do q "negro de alma branca"? ). Construímos assim uma identidade feita de negação, de dívidas históricas q ainda não foram pagas.

    Em linguagem junguiana, o Brasil ainda tem q se haver c/ sua própria sombra e só depois de reconhecer seus monstros (gigantes) adormecidos poderá desenvolver uma identidade + plena, onde exista espaço, sobretudo, p a compaixão e, enfim, a civilidade.

    Se alguém ainda duvida de q essas qualidades sejam fundamentais p o desenvolvimento de um país melhor, basta pensar no descaso c/ q são tratadas as criança e os idosos.

    Kommentar

    Brasilien Forum Statistiken

    Einklappen


    Hallo Gast,
    Du hast Fragen?
    Wir haben die Antworten!
    Anmelden und mitmachen.
    P.S.: Für angemeldete Mitglieder ist das Forum Werbefrei!

    Themen: 24.101  
    Beiträge: 176.791  
    Mitglieder: 11.902  
    Aktive Mitglieder: 66
    Willkommen an unser neuestes Mitglied, Backpacker.

    Online-Benutzer

    Einklappen

    256 Benutzer sind jetzt online. Registrierte Benutzer: 2, Gäste: 254.

    Mit 2.135 Benutzern waren am 16.01.2016 um 01:30 die meisten Benutzer gleichzeitig online.

    Lädt...
    X